Como provar o retorno do inbound marketing para a diretoria

Como provar o retorno do inbound marketing para a diretoria

Se você também é um profissional de marketing, há uma grande chance que um dos seus maiores desafios seja o de provar o ROI.

Como o marketing digital apresenta esta facilidade, a primeira dica é: não solicite de forma direta a aprovação de uma verba de milhares de Reais. Primeiro realize testes com verbas menores, e projete os possíveis resultados com uma regra de três.

E para começar conseguindo a verba menor para testes, ainda sem números próprios para apresentar, você pode informar dados do mercado e de pesquisas.

Há, por exemplo, um estudo da Hubspot (uma das maiores empresas do mundo no fornecimento de plataformas de apoio ao inbound marketing) chamado "State of Inbound 2014-2015", que diz que as companhias com maior ROI estão focando em blogar, em SEO e em amplificação do conteúdo. Coca-Cola e diversas outras entre as 500 maiores empresas da Fortune estão investindo em content marketing.

E talvez sejam dúvidas suas: esta forma de marketing tão presente nos meios digitais realmente potencializa os fatores chave de sucesso de uma marca? Qualquer um pode arcar com este investimento?

A mesma pesquisa da Hubspot esclarece:

Considerando que um dos principais objetivos dos departamentos de marketing é a geração de leads, o inbound marketing não só contribui para o sucesso da marca como ainda faz isso a custos menores.

Há, ainda, um benefício bem típico do inbound marketing: ele é fácil de escalar. Ou seja: você pode começar com ações que o orçamento permite, e incrementar as estratégias à medida que as ações vão gerando resultados.

E por falar em resultados, outra vantagem do inbound marketing é poder medir o desempenho das ações de forma rápida pela própria Internet.

Assim você entra em um círculo virtuoso em que, ao provar ROI, você consegue mais verba. E ao conseguir mais verba, você pode mostrar mais resultados.

O que você tem feito para contribuir com o sucesso da sua marca?

Postado por Eduardo Lara
Compartilhe:

Confira mais posts